E os meninos do vôlei continuam batendo um bolão!!!

Em julho participaram dos Jogos da Juventude do Paraná, na cidade de Palotina, entre os dias 13 e 19/07.
A equipe conquistou o campeonato invicta. Não perdeu nenhum set, conquistando assim a vaga para disputar a fase final dos jogos que acontecerão em Outubro na cidade de Chopinzinho.

Valeu equipe por mais essa conquista!

Estamos orgulhosos e torcendo pelo sucesso de todos.

Quer passar uns dias inesquecíveis na terra das cataratas? Então venha se hospedar conosco!

Agora você pode fazer suas reservas diretamente em nosso site e no Facebook de forma segura e rápida!

Pousada Cataratas agradece a sua preferência.

A PM Foz do Iguaçu/Pousada Cataratas conquistou o bicampeonato de forma invicta da segunda edição da Supercopa Paraná. A partida final foi sobre os donos da casa, PM Maringá/Unifamma/Amavolei, com vitória por 3 sets a 2, com parciais de 23/25, 25/21, 22/25, 25/19 e 15/11, em 2h07 de jogo.

 

31776140_10209371590445107_526037170528452608_n 31655400_1700987599993184_5724012875131912192_n 31520761_10215743452081350_4248172222855774208_n 31501794_1847815968603575_5833301397470183424_n (1) 31460837_10215684562689152_5924299724269027328_n

 

Motoristas brasileiros que atravessaram a Ponte Internacional Tancredo Neves, foram surpreendidos  na quinta-feira (7) ao chegar na aduana argentina em Puerto Iguazú. Uma fiscalização começou a ser realizada na entrada do país, exigindo dos veículos estrangeiros o seguro internacional, conhecido como Carta-Verde. Os motoristas que não possuíam o seguro foram orientados à retornar ao Brasil.

Em um dos casos, um motorista brasileiro não concordou com a exigência, acabou se exaltando e foi ameaçado de prisão pelas autoridades argentinas.

O diretor-geral do Departamento de Turismo de Misiones, Ivan Piedrabuena, confirmou que a exigência está sendo feita pelo órgão de fiscalização de transporte e trânsito da Argentina, a CNRT, que vieram de Buenos Aires para a operação na fronteira.

A informação foi repassada pelo superintendente do Instituto de Transportes e Trânsito de Foz do Iguaçu (Foztrans), Fernando Mariniche, que se reuniu com Piedrabuena, para tratar sobre o assunto. Segundo Mariniche, a exigência do seguro internacional é legal em todos os países do Mercosul. “No Paraguai não é tão corriqueira e por isso a gente acaba se desacostumando. Quando se dirigir ao um país vizinho, fazer a carta-verde para evitar algum constrangimento”, disse.

Mariniche disse ainda, que a exigência também acontece à veículos estrangeiros que entram no Brasil e que o Foztrans realiza fiscalizações semanais. ” O Foztrans e a ANTT fazem a fiscalização para quem entra em Foz do Iguaçu e todos precisam de carta-verde para o veículo. Já para veículos de turismo a exigência é a carta-azul, que é um seguro pessoal para o passageiro”, explicou.

Fonte: Portal Iguaçu

1234